Pesquisar
Close this search box.

Anatel ameaça tirar do ar Amazon e Mercado Livre

A Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) acaba de dar mais um passo rumo ao fim do comércio ilegal no Brasil. De acordo com o que foi revelado, a Anatel proibiu a Amazon e o Mercado Livre de comercializarem celulares piratas em suas plataformas. A decisão vem após a constatação de que as empresas não estavam tomando as medidas necessárias para retirar produtos não certificados.

Segundo a Anatel, a Amazon e o Mercado Livre vinham se recusando a compartilhar informações sobre os vendedores de celulares em suas plataformas. Como resultado, essa prática dificultava a investigação e punição dos responsáveis pela venda de produtos ilegais. Além disso, as empresas não fizeram nada para eliminar anúncios de celulares falsos.

Veja também:

A Amazon é uma das lojas que está na mira da Anatel por comercializar aparelhos piratas.

Anatel dá ultimato

A Anatel deu às empresas um prazo de 15 dias para se regularizarem. Caso não cumpram com a determinação, as empresas receberão multas diárias com valores de até R$ 1 milhão. Além disso, ambas as lojas poderão ser suspensa no País.

Com essa medida, a Anatel avança para combater o comércio ilegal de celulares no Brasil, que causa prejuízos bilionários ao setor e coloca em risco a segurança dos consumidores. Para quem não sabe, aparelhos piratas podem representar um risco à saúde dos usuários, além de comprometer a qualidade do serviço das operadoras brasileiras.

Publicado por:

Picture of Felipe Lupetti

Felipe Lupetti

Sou um entusiasta da tecnologia, especialmente em smartphones.

Comentários:

Deixe um comentário

Últimas Notícias
Dicas

PRIME DAY: Melhores celulares da Motorola em OFERTA

Notícias

Mix Flip: Xiaomi revela design do seu novo celular dobrável

Notícias

Redmi Note 14 Pro supostamente chegando com Snapdragon 7s Gen3

Notícias

MediaTek apresenta novo Dimensity 7350 para celulares intermediários