Notícias

Google anuncia medidas para combater apps falsos da Play Store

A loja de aplicativos do Google está prestes a passar por sérias mudanças nos próximos meses. Em anúncio realizado ontem (29), o Google informou que adotará medidas para remover aplicativos maliciosos da sua loja de apps (Google Play Store). De acordo com o que foi revelado, a empresa exigirá dos desenvolvedores que utilizem títulos mais objetivos. Além disso, a ideia é de não enganar os usuários com falsos anúncios.

Para tornar a pesquisa mais ágil, o Google também passará a exigir que os títulos dos apps tenham no máximo 30 caracteres. Além disso, outros itens como limitações de palavras-chave e elementos gráficos também estão entre as exigências do Google para não enganar o público.

Veja também:

“O título, o ícone e o nome do desenvolvedor do aplicativo que não atenderem às políticas futuras não serão permitidos no Google Play”, informa a empresa. “Você pode esperar mais detalhes sobre esta mudança de política, incluindo datas de início de aplicação, ainda este ano”, declaram.

Além dessas medidas, a companhia também anunciou  novas diretrizes de recursos de visualização da lista da loja. Como resultado, os desenvolvedores terão que fazer as seguintes perguntas antes de lançar um novo app:

  • Os recursos de visualização representam com precisão o aplicativo ou jogo?
  • Os ativos de visualização fornecem informações suficientes para ajudar os usuários a decidir se devem instalar?
  • Os recursos de visualização estão livres de chavões como “grátis” ou “melhor” e, em vez disso, concentram-se em fornecer informações significativas sobre os aspectos exclusivos de seu aplicativo ou jogo?
  • Os recursos de visualização estão localizados corretamente e fáceis de ler?

Por fim, vale notar que as novas diretrizes entrarão em vigor no segundo semestre de 2021.

Via
AndroidDevelopers

Felipe Lupetti

Sou um entusiasta da tecnologia, especialmente em smartphones.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo