Notícias

Sharp apresenta o novo Aquos R6 com o maior sensor de câmera do mundo

Muitos desconhecem, mas a Sharp também comercializa smartphones. Hoje, a empresa oficializou seu mais novo topo de linha, o Aquos R6, que traz recursos de ponta em termos de hardware, tela e câmera.

O Sharp Aquos R6 é o primeiro smartphone do mundo a trazer um sensor de câmera de 1 polegadas. Para isso, a empresa fez uma aliança com a Leica para trazer a novidade, que é cinco vezes maior que o antecessor. Note que os sensores traseiros também suportam foco automático a laser em baixa luz. O sensor principal consegue capturar imagens de 20MP, que trabalha em conjunto com uma câmera ToF 3D. Além disso, a Sharp acrescentou que usa 7 elementos Leica Summicron, o que permite tirar fotos em alta resolução.

Veja também:

Sobre construção, o Sharp Aquos R7 vem equipado com certificação IPX8, que o torna resistente contra água e poeira. Em tela, traz um display OLED IGZO WUXGA + Pro de 6,6 polegadas com uma resolução de 1.260 x 2.730px (2K +) e uma alta taxa de atualização de 240Hz. Além disso, vem equipado com o poderoso chipset Snapdragon 888 combinado com 12 GB de RAM e 128 GB de armazenamento UFS 3.1.

  • Tela: OLED de 6,6 polegadas, resolução WUXGA+ de 2730 x 1260 pixels, taxa de atualização de 240 Hz, brilho máximo de 2.000 nits
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 888
  • RAM: 12 GB
  • Armazenamento interno: 128 GB
  • Câmera traseira: 20 MP (f/1.9, sensor de 1 polegada, lentes Leica Summicron de 7 elementos) + ToF 3D (Profundidade)
  • Câmera frontal: 12,6 MP (f/2.3)
  • Bateria: 5.000 mAh com carregamento Intelligent Charge 2.0
  • Outros: 5G, leitor de digitais sob a tela com possibilidade de leitura de dois dedos simultaneamente, Bluetooth 5.2, Wi-Fi 6, suporte a cartões MicroSD de até 1 TB
  • Sistema operacional: Android 11

No momento, a Sharp ainda não deu detalhes sobre a disponibilidade e preço do novo Aquos R6.

Felipe Lupetti

Sou um entusiasta da tecnologia, especialmente em smartphones.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo