Reviews

Análise: iPhone 8 vale a pena em 2021?

Anunciado mundialmente em meados de 2017, o iPhone 8 se destacou no mercado com muitos recursos interessantes para sua época. Quando chegou ao Brasil, seu preço variava de entre 3.999 e R$ 4.799, dependendo da versão escolhida. Agora, é possível achá-lo no mercado de usados com um preço bem mais interessante. Mas será que vale a pena em 2021? Descubra abaixo!

Design & Construção

Ao olhar para o iPhone 8, notamos que ele ainda agrada bastante em termos de design e construção. Nesse sentido, a Apple foi bem cuidadosa e colocou um belo acabamento traseiro em vidro e laterais em alumínio. Além disso, vem equipado com certificação IP67 que o protege contra água e poeira.

Se na traseira o iPhone 8 agrada, na parte frontal não podemos dizer o mesmo. Por ter quase 4 anos de mercado, ele traz uma grande quantidade de bordas e pouco aproveitamento frontal. Mas ainda assim, o display compacto de 4.7″ HD+ entrega brilho suficiente para visualizar conteúdos mesmo em lugares claros.

Sistema & Bateria

A Apple oficializou o iOS 15 nesta segunda-feira (7) trazendo diversas melhorias e novidades. E a boa notícia é que o antigo iPhone 8 está confirmado para receber a nova versão do sistema. No momento, ele roda o iOS 14.5 e seguirá recebendo updates até 2022, ano em que a fabricante deverá encerrar seu suporte.

Sistema muito rico em recursos, o iOS se destaca por entregar uma experiência de uso melhor para quem é criador de conteúdo, principalmente quem faz uso do Instagram. Além disso, entrega uma interface muito rápida, fluida e menus bem organizados para facilitar nas tarefas diárias.

Infelizmente, um grande ponto negativo do iPhone 8 é sua bateria. Com apenas 1800 mAh, ele não consegue chegar ao final do dia com apenas uma carga. Portanto, quem aderir a esse aparelho terá que carregá-lo ao menos duas vezes ao dia. E para piorar a situação, leva cerca de 3 horas para atingir uma carga completa.

Câmeras

No departamento das câmeras, o iPhone 8 segue agradando. Embora traga apenas uma câmera traseira de 12MP, ela conta com recursos premium como estabilização óptica de imagem e estabilização digital para vídeos. Além disso, grava vídeos em 4K a 60 FPS e traz uma câmera frontal de 7MP que tira boas selfies.

Veja também:

Como ponto negativo, a Apple não inseriu nem mesmo via software o recurso de modo retrato para fotos. Além disso, a ausência de sensores ultrawide e macro podem desagradar alguns usuários que já estão acostumados com aparelhos da atualidade.

Desempenhe & Tela

Se você é muito apegado a especificações técnicas, certamente ficará decepcionado com o hardware encontrado no iPhone 8. Afinal de contas, ele traz apenas 2GB de memória RAM em tempos onde existem aparelhos com 6GB, 8GB ou 12GB.

Mas não se engane. Na prática, a performance do aparelho é bem satisfatória para atividades como redes sociais. Além disso, a ótima otimização de software juntamente com o chipset Apple A11 e Apple GPU entregam bom desempenho em jogos.

Por último, falaremos sobre tela. Nesse quesito, o iPhone 8 apresenta um display IPS de 4.7″ HD+ entrega brilho suficiente para visualizar conteúdos mesmo em lugares claros. No entanto, fica longe de entregar ótima qualidade como telas OLEDs que equipam modelos mais modernos.

Vale a pena em 2021?

Como visto acima, o iPhone 8 ainda entrega bom design, construção, sistema e desempenho. Mas peca em termos de tela e bateria, itens muito importantes na hora de comprar um novo smartphone. Portanto, nós do Tudo em Tecnologia não recomendamos a compra se você busca por algo completo, que oferece bom custo benefício. E caso você busque por um dispositivo compacto, recomendamos o Galaxy S10e ou então, o iPhone XR.

Felipe Lupetti

Sou um entusiasta da tecnologia, especialmente em smartphones.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo