Notícias

Qualcomm e Unisoc ganham mercado, MediaTek e Exynos estão em baixa

Os chipsets móveis ocupam uma enorme fatia no mercado eletrônico com a alta demanda de smartphones da atualidade. E segundo uma pesquisa realizada pela famosa Counterpoint Research, o mercado de processadores móveis aumentou pelo menos 5% no último trimestre do ano passado em comparação com o quarto trimestre de 2020.

Ainda no topo, a MediaTek perdeu um pouco da sua participação no mercado indo de 37% para 33%. Embora De acordo com analistas, as fabricantes de smartphones começaram a estocar chips para evitar problemas com a escassez de chips no mercado. Como resultado, não houve a necessidade de compra rum grande estoque de processadores nos últimos meses.

A Qualcomm, por outro lado, teve um crescimento animador indo de 23% para 30%. Segundo consta, a fabricante deu prioridade aos processadores topos de linha. Teve também um crescimento no mercado de 5G com uma participação máxima de 76% contra 63% do ano anterior. Obviamente, isso também tem ligação com sua parceria com a Apple, que utiliza modens da Qualcomm junto aos chips Apple A.

Veja também:

A Samsung perdeu posição indo de terceiro para quinto lugar. Por ter usado mais chips da Qualcomm em seus aparelhos recentes, a participação dos chips Exynos no mercado caiu para apenas 4%. E quem se beneficiou também com isso foi a Unisoc, que subiu de 4% para 11% com sua forte presença em marcas como Realme, Motorola, ZTE e até Samsung.

Por fim, a HiSilicon não vai nada bem com sua queda para apenas 1%. Segundo os analistas da contraponto, a empresa teve seu estoque de chips quase zerado e vem enfrentando grandes problemas com a fabricação de novos.

Fonte
CounterpointResearch

Felipe Lupetti

Sou um entusiasta da tecnologia, especialmente em smartphones.

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo